Amar, Confiar, Celebrar, Meditar, Entregar: seja muito bem vinda à Cura do Feminino

Esses são alguns dos principais princípios abordados e vivenciados em nossos encontros. Hoje, vamos falar um pouco como eles se manifestam e como podem nos ajudar.

Amar engloba não julgar, aceitar, escutar profundamente, ter paciência. Sua voz interna ainda vai tagerelar, porque ela está acostumada a criticar, reclamar, apontar e você vai observar ela entrar nesse estado. Porém, através de algumas práticas, os poucos você vai aprender que muitas, vezes, para aceitar o outro, você precisa se autoaceitar. 

Nossos encontros são compostos por mulheres e, em alguns momentos, partilhamos nossas experiências pessoais. Cada partilha é muito importante para todas, porque ajuda muito no espelhar, no compreender a si mesma através da outra e nesse processo de observar e ser verdadeira, reconhecer a sua própria verdade. As partilhas são ótimas para aprender e praticar o amor.

O Amor traz o Servir. Praticar esse estado de servir, de ajudar e apoiar no que quer que esteja acontecendo no outro. Quando servimos verdadeiramente, não através das nossas carências e necessidades, o universo nos serve e recebemos tudo que precisamos.

Nesse estado chega a capacidade de Confiar. Não precisamos mais viver no medo e no controle pra certificar que tudo saia como julgamos ser o melhor e o correto, porque ao viver no fluxo do amor e do servir você sabe que tudo acontecerá da melhor forma, e que tudo que precisa chegará. Existe uma confiança no fluxo da vida e na sua capacidade de lidar com tudo que chegará, independente do que seja. Existe uma confiança em si, no outro, e também num fluxo maior que vai além da mente, mas que é conectado pelo coração. E você aprende que independente da música que tocará, você tem todos recursos para escolher como dançar. Ao Amar e Servir, entramos no coração, vivemos pela alma, e alma é incapaz de ferir ou ser ferida. Somente o ego se fere e no ego precisamos constantemente desconfiar, defender, atacar! Na alma, é só desfrutar da beleza e do melhor de cada situação!

Assim a vida se torna celebração. Celebrar, aprender a encontrar esse estado de celebração e de felicidade dentro de si e não fora. Aprender a desfrutar e festejar com você mesma independente do que o mundo diga ou faça. Parar de esperar isso de alguém de fora, esperar que alguém precise te mostrar algo ou algo específico acontecer pra você estar feliz.

A vida é uma contínua celebração da oportunidade de viver! Mas, isso não quer dizer viver 100% do tempo feliz. Saber aproveitar cada desafio como oportunidade de crescer e amadurecer te permitirá se tornar mais forte e mais clara de quem você é.

Uma situação não é boa nem ruim, ela simplesmente é. Quando julgamos ruim, resistimos, nos afastamos e sofremos. Se simplesmente ela é, aprendemos e logo superamos. Se eu resisto, ela persistirá. Então, celebre!

Em nossos encontros vamos aprender e praticar amar, servir, aceitar, confiar, entregar e celebrar para que possamos estar sempre no coração e possamos fluir sem medo para viver a nossa VERDADE expressando-a livre e poderosamente ao mundo! Como uma forma de servir o mundo e torná-lo um melhor lugar para se viver, vamos fluir, perceber, intuir a nossa verdade, a nossa missão, o nosso propósito de vida.

Através da Entrega e Meditação, aprendemos a Observação, e assim conseguimos nos aceitar e nos Conectar com a infinito dentro de nós, com o fluxo infinito de vida que flui a cada instante. Nesse espaço interno, da alma e do coração, está a felicidade eterna, que não é temporária e condicional como o mundo material, mas é ilimitada e infinita como a natureza da nossa alma!

Seja muitíssimo bem-vinda!

Te esperamos com muito amor e reverência em nossa palestra de introdução à Cura do Feminino, amanhã:

Local: Santoshi - Yoga e Terapias Indianas
Alameda dos Jurupis, 470 - Moema
Horário: das 19h30 às 21:30
Contribuição: R$20

Mais informações, aqui

Até lá!